Exposição Coletiva de Pintura Terra Que Já Foi Terra

Data Inicial: 09-01-2018 16:30H
Data Final: 13-02-2018 17:30H
Localidade: Arganil

 

Terra Que Já Foi Terra “é o título da Exposição Coletiva de Pintura, de autoria de J. Eliseu (filho) e Sérgio Eliseu, que está patente ao público, de 09 de janeiro a 13 de fevereiro de 2018, no Átrio de Exposições Guilherme Filipe.

A inauguração da Exposição, decorrerá no próximo dia 09 de janeiro, às 16h30, podendo ser visitada de 2ª a 6ª feira, no período das 9h00 às 17h30.

Compõem a Exposição 30 trabalhos que despertarão ao visitante o maior interesse pela proximidade ao mundo rural, com costumes praticamente desaparecidos, bem como pela incursão a outros contextos urbanos, marcados por figuras de destaque, ou locais de referência, onde os pintores utilizam o Óleo como técnica de eleição.

J.Eliseu (filho) – A par do seu trabalho na área da conservação e restauro de obras de arte, dando seguimento a uma tradição familiar, desenvolve uma destacada paixão pela pintura, contando com um vasto currículo de exposições, no país e no estrangeiro, nomeadamente: Espanha, França, Noruega, E.U.A, Canadá e Brasil.

De destacar as homenagens dos seus 25 anos de carreira artística (em 2000) e mais recentemente em 2015, pelos seus 40 anos.

Sérgio Eliseu – É doutorado em Arte e Design na FBAUP (Universidade do Porto), Mestre em Criação Artística Contemporânea (Universidade de Aveiro) e Licenciado em História da Arte,

Expõe pela primeira vez em 1994 com trabalhos em aguarela – Miranda do Corvo (7ª Coletiva de artes plásticas). Em 1996 realiza a sua primeira exposição individual no Museu Municipal da Lousã, seguindo-se inúmeras exposições coletivas e individuais em Portugal e no estrangeiro. Em 2007 inicia projetos multimédia dedicados ao paradigma da arte interativa expondo simultaneamente, desde então, em contextos de Arte Contemporânea.