Arganil com o IMI mais baixo do país em 2018

A Câmara Municipal de Arganil vai baixar a taxa do Imposto sobre Imóveis (IMI) para o valor mínimo permitido por lei, em 2018. Com uma diminuição de 0,375%, que era já uma das taxas mais reduzidas do país, para 0,3%, Arganil assume-se como uma das autarquias com o IMI mais baixo do país. A nova medida, prevista no Orçamento da Câmara para 2018 e aprovada em assembleia municipal, vai permitir aliviar a carga fiscal dos munícipes e apoiar as muitas famílias do concelho cujos imóveis ficaram parcial ou totalmente destruídos pelo trágico incêndio de outubro.

A dedução fixa do IMI mediante o número de dependentes, por sua vez, mantém-se: famílias com um filho vão ter uma redução de 20 euros, com dois dependentes a redução passa para 40 euros e com três ou mais filhos ascende aos 70 euros.

Do novo pacote de benefícios fiscais previsto pelo Município de Arganil para o próximo ano consta, ainda, a derrama à taxa de 0% para as empresas e a renúncia dos 5% do IRS a que a Autarquia teria direito, optando por devolver aos munícipes, numa consciente política de responsabilidade social, a totalidade do Imposto Sobre os Rendimentos que a lei lhe atribui.



Artigos Relacionados