Igreja Matriz de Vila Cova do Alva

A  igreja matriz de Vila Cova do Alva, dedicada a Nossa Senhora da Natividade, é um edifício da primeira metade do século XVIII. A cruz que remata a fachada principal tem a data de 1712 e, segundo o Inventário Artístico do Distrito de Coimbra para o concelho de Arganil (CORREIA, GONÇALVES, 1952), é uma boa composição da arquitetura regional. O portal de vão retangular, acompanhado de pilastras, com alto remate em forma de nicho, acompanha-se de quatro janelas com frontão, duas na linha do coro e as outras duas em baixo. Tem capela-mor e duas capelas laterais no corpo da igreja.

A talha dourada quebra a austeridade arquitetónica do interior sendo os cinco retábulos da mesma época. São de colunas torcidas e com pâmpanos sobre os quais carregam arcos do mesmo teor. O principal é o mais ostentoso, cavando nichos entre as colunas.

Os tetos completam o conjunto. Em caixotões, apresentam pinturas hagiológicas, 60 ao todo, no corpo. Sobre o arco cruzeiro há mais cinco quadros, englobados na talha.

Conservam-se na Igreja duas campas com inscrições, uma junto ao arco triunfal e outra sob o púlpito datadas de 1713.

A maior parte das esculturas pertence ao conjunto e época das talhas, no entanto nela podemos admirar uma Piedade de calcário, gótica e uma escultura de S. Sebastião, de pedra, ambas do século XVI.

A igreja está classificada com monumento de Interesse Público (MIT) pela Portaria n.º 257/2011, DR, 2.ª série, n.º 19, de 27-01-2011

 

 

Coordenadas GPS

Latitude: 40.2841027

Longitude: 7.9418733