Fundação Floresta Unida e Município de Arganil em defesa da Floresta Autóctone

A Floresta Unida tem como objectivo principal encontrar um equilíbrio entre a floresta e o Ser Humano, equilíbrio que deve ser encontrado e deve ser mantido como uma acção natural de cada um de nós, espírito que tem sido levado a diversos pontos do globo.

Pelo 3º ano consecutivo o Município de Arganil está a desenvolver uma parceria com a Fundação Floresta Unida com o intuito de proceder à florestação de vários espaços no concelho. Desde 2009 foram arborizadas com espécies autóctones como cavalho-negral (Quercus pyrenaica), sobreiro (Quercus suber), castanheiro (Castanea sativa), Cereijeira (Prunus avium), pinheiro-manso (Pinus pinea) ou medronheiro (Arbutus Unedo), áreas nas freguesias de Pomares, Sarzedo e S. Martinho da Cortiça.
Em 2011 esta iniciativa terá prosseguimento estando já prevista a arborização de alguns espaços junto à Zona Industrial da Relvinha, entre outros locais.



Artigos Relacionados