DIA X DE TAL DE ALGO QUE NÃO EXISTE

Data Inicial: 09-04-2022 21:30H
Data Final: 09-04-2022 23:00H
Localidade: Arganil

 

“Dia X de tal de algo que não existe” não é um concerto, mas também não é uma peça de teatro. Decidimos, para já, que será um espetáculo de música teatral e não teatro musical. 

No princípio da sua construção esteve a história de um homem que espera, só, num quarto herdado certamente pela morte de quem o havia antes ocupado. Esse homem, Malone (do romance “Malone Meurt”, de Samuel Beckett), foi o ponto de partida para uma viagem a quatro, iniciada pelo Coletivo Breathe! e à qual se juntaram o Manuel Brásio e o Miguel Branca. Essa viagem, quase à deriva, percorreu durante alguns meses questões labirínticas. Quando é que estamos à espera? Estaremos nós sempre à espera? Ou deixamos de esperar quando ocupamos a nossa espera?

Neste ponto da viagem, não temos respostas, antes possibilidades que decidimos organizar numa sucessão de quadros exploratórios sobre a espera, o tempo, a mudança, a esperança, e o fim. 

Bilhetes (2,50€ – gratuito para estudantes e +65)

Bilheteiras:
Biblioteca Municipal de Arganil (235 200135)
Piscina Municipal de Arganil (235 200 140)
(Bilheteira do Auditório, antes do espetáculo)

FICHA ARTÍSTICA E TÉCNICA:

interpretação Coletivo Breathe!

Beatriz Mendes (trombone)

Inês Luzio (eufónio)

música e operação de som Manuel Brásio 

texto e encenação Miguel Branca 

desenho de luz Carín Geada 

operação de luz João Valentim 

cenografia Projeto EZ, Coletivo Breathe!

figurinos Beatriz Prada, Coletivo Breathe!

design gráfico Gracja Zegarowicz 

vídeo e fotografia Vasco Mendes 

 

Duração 40 min