Arganil entre os melhores Municípios na Prevenção da Corrupção e Estado de Direito

Arganil é um dos municípios portugueses com melhor desempenho na garantia do “Estado de Direito e na Prevenção da Corrupção”. A conclusão é do estudo “Qualidade da governação local em Portugal”, apresentado pela Fundação Francisco Manuel dos Santos durante a Jornada do Poder Local, em Portalegre, no passado dia 27 de novembro.

Nesta análise global à qualidade da governação dos 308 municípios portugueses, Arganil surge na 25.ª posição da lista, apresentando um índice de 61.31 por cento. Segundo o estudo, a eficácia governamental e a qualidade e eficácia dos serviços municipais são superiores quando os municípios apresentam valores mais elevados na dimensão de “Estado de Direito e Prevenção da Corrupção”.

Além de se destacar como “líder” no “Estado de Direito e Prevenção da Corrupção”, o Município de Arganil está classificado como tendo “bom desempenho” nos restantes parâmetros analisados: “Voz dos cidadãos e prestação de contas”, “Estabilidade Política”, “Eficácia governamental” e “Acesso e regulamentação do mercado”.

O assinalável desempenho de Arganil na avaliação que escrutinou o trabalho dos 308 municípios portugueses é o resultado do empenho da autarquia na aplicação de boas práticas governamentais, assente na transparência nas contas, gestão financeira e procedimentos de contratação pública, no cumprimento dos prazos de pagamento e na aplicação de tarifas amigas das famílias.

A Câmara Municipal de Arganil congratula-se com tamanho reconhecimento, renovando o compromisso assumido com os seus munícipes de continuar a trabalhar para o desenvolvimento do concelho, sempre com a firme convicção de que os interesses dos seus cidadãos são os interesses da autarquia.

O estudo pode ser consultado aqui.



Artigos Relacionados