Câmara Municipal enriquece espólio instrumental do Polo de Arganil do Conservatório de Música de Coimbra

Câmara Municipal enriquece espólio instrumental do Polo de Arganil do Conservatório de Música de Coimbra

O Município de Arganil entregou um conjunto de materiais e instrumentos musicais ao Polo de Arganil da Escola Artística do Conservatório de Música de Coimbra, no valor de 3.450,00€, mantendo o compromisso de apoiar a formação dos alunos do concelho e de estimular a sua vocação pela arte musical. Ao dispor dos jovens aprendizes estão agora 1 Piano Acústico Kawai K-15 e respetivo banco; 1 suporte para teclado/piano; 30 Estantes para Banda e 1 Suporte de Bombo.

A valorização do espólio deste Polo de formação garante um leque diversificado de instrumentos a todos os alunos em aprendizagem e está em linha com aquele que tem sido o apoio da Autarquia prestado desde 2018, num investimento acumulado superior a 22 mil euros, ano em que a escola de música abriu portas na EB 2.3 de Arganil.

Mediante o Protocolo de Cooperação celebrado, então, com o Conservatório de Música de Coimbra e o Agrupamento de Escolas, o Município de Arganil assume pelo quarto ano letivo o encargo integral com os instrumentos necessários ao aperfeiçoamento e desenvolvimento das competências dos alunos.

Frequentam este Polo 74 alunos, dos quais 35 alunos são provenientes da Escola EB 2.3 de Arganil, 20 da Escola EB2.3 Professor Mendes Ferrão de Côja, 17 da Escola EB2.3 de Góis e 2 da Escola Secundária de Arganil. Considerada a distância, os custos com o transporte dos alunos provenientes da Escola EB 2.3 Professor Mendes Ferrão de Côja para frequência das aulas de música são totalmente suportadas por esta Autarquia, envolvendo um investimento de 8.100,00€ neste ano letivo.

Relembra-se que a criação do Polo de Arganil, há cerca de 4 anos, foi motivada pelo interesse demonstrado por um expressivo número de jovens da região em frequentar o Ensino Artístico Especializado de Música. O Polo leciona o Curso Básico de Música em regime articulado (em articulação pedagógica com o Agrupamento de Escolas de Arganil) e em regime supletivo (independentemente da escola básica de frequência).