Contas do Município de Arganil com resultado positivo e maior investimento de sempre

O Município de Arganil registou, em 2021, um resultado líquido positivo de aproximadamente 900 mil euros, num ano marcado pela concretização do maior volume de investimento público de sempre no concelho. Em termos globais, foram investidos mais de 19,8 milhões de euros em obras e projetos que concorrem para a melhoria da qualidade de vida em Arganil.

“Assumimos com os arganilenses o compromisso de manter o rigor, a transparência e a saúde financeira da autarquia, e os resultados apresentados na prestação de contas confirmam isso mesmo”, destaca o presidente da Câmara Municipal de Arganil, Luís Paulo Costa, convicto de que apenas com as contas equilibradas é possível acumular recursos financeiros e canalizá-los para os investimentos e projetos previstos.

“Continuamos a dar passos firmes no desenvolvimento do concelho e na construção de um futuro com mais e melhores oportunidades para os nossos cidadãos, investindo em áreas preponderantes, como a educação, a reabilitação urbana, o ambiente ou o desenvolvimento económico”, aponta. E a este respeito, merece destaque o sólido e decisivo investimento na ampliação da área de localização empresarial da Relvinha, no valor de 5,5 milhões de euros, que vai permitir criar emprego e atrair novas empresas para o concelho.

O documento de prestação de contas de 2021, que demonstra esta forte e clara aposta da Câmara Municipal no crescimento sustentado do concelho, na valorização do território e na qualidade de vida das famílias arganilenses, foi aprovado por maioria na última Assembleia Municipal, realizada em abril.

Além do assinalável nível de execução orçamental que permitiu que os munícipes beneficiassem de um volume tão expressivo de intervenções, destacam-se nas contas colocadas à apreciação da Assembleia Municipal outros indicadores muito significativos.

O Município de Arganil encerrou o ano com um total da despesa paga de 19,5 milhões de euros, representando 85,3% do total orçamentado (22,9 milhões de euros), o que supera em 10,7% o registo de 2020.

Em relação à receita cobrada, verifica-se um acréscimo em cerca de 1,9 milhões de euros relativamente ao ano anterior. Importa, ainda, destacar o aumento do ativo em mais de 5 milhões de euros (9,24%), sendo que cerca de 4 milhões de euros resultam do investimento na ampliação da Zona Industrial da Relvinha.

Os resultados alcançados no exercício económico de 2021, em linha com os resultados atingidos ao longo dos últimos anos, confirmam o mandato 2017-2021 como o sendo aquele em que Arganil beneficiou do maior investimento público da história do concelho. Este investimento sem paralelo é sustentado pelo investimento próprio do município, mas também pelos fundos europeus captados pela autarquia e por investimentos exteriores, sendo disso exemplo o sistema multimunicipal da Águas do Centro Litoral (AdCL).

A boa gestão financeira registada nos últimos anos garante a continuidade das políticas de apoio às famílias e empresas do concelho, nomeadamente na aplicação da taxa mínima de IMI, devolução da totalidade do IRS às famílias (5%) e aplicação da derrama sobre o lucro das empresas fixada nos 0%. Esta fiscalidade amiga das famílias reflete-se, ainda, na aplicação dos tarifários mais reduzidos de água, saneamento e resíduos sólidos urbanos no distrito de Coimbra.



Artigos Relacionados