Inauguração da exposição “Visões – O interior do olho humano”

Decorreu no passado dia 1 de fevereiro, no espaço Multiusos da Cerâmica Arganilense, a inauguração da exposição “Visões – o interior do olho humano”, da responsabilidade técnica e científica do Centro Cirúrgico de Coimbra.

Patente neste espaço, até ao dia 25 de março, poderá ser visitada de segunda a sábado, entre as 14h00 e as 18h00.

Uma pequena mostra desta mesma exposição poderá ainda ser visitada, no Átrio de exposições Guilherme Filipe, no horário regular de funcionamento dos serviços, entre as 9h00 e 17h30.

Na inauguração estiveram presentes, o Presidente da Câmara, Luís Paulo Costa, a Vice-presidente, Paula Dinis, e o Vereador, Luís Almeida.

A apresentação da exposição foi assegurada pelo conceituado, médico oftalmologista António Travassos, acompanhado pela sua equipa técnica que, foto a foto, transmitiu as visões registadas e captadas pelo equipamento de diagnóstico do Centro Cirúrgico de Coimbra.

De um total de três milhões de fotografias, foram escolhidas 49 que contam uma “história” e remetem para o invulgar, o insólito ou mesmo para o dia-adia. Razão porque o “Jarro” pode ser uma flor, mas também a imagem de um descolamento parcial da retina, ou a “Lula Gigante”, que pode ser uma espécie marinha ou uma imagem do interior do olho de um bebé prematuro, entre outros exemplos.

Imagens que revelam também o estilo de vida e doenças hereditárias de cada um, assim como as lesões que tiveram de enfrentar e que estão devidamente documentadas no catálogo da exposição.

Esta exposição é, por excelência, um instrumento de comunicação inovador entre ciência e arte, que reúne um leque de fotografias reais, captadas no interior do olho humano registando momentos que estão para além daquilo que o olho humano é capaz de alcançar, como disse António Travassos.



Artigos Relacionados