João Silva vence Concurso Municipal de Ideias de Negócio com projeto inovador na área agrícola e representará o Concelho de Arganil na Final Intermunicipal

 

A ideia de negócio desenvolvida e apresentada por João Silva, aluno do 12.º E da Escola Secundária de Arganil, na Final do Concurso Municipal de Ideias de Negócio realizada no passado dia 30 de Abril no Auditório da Biblioteca Municipal Miguel Torga, conquistou de forma unânime o júri e todos os presentes na sessão.

Este projeto inovador que se sagrou como vencedor da iniciativa promovida pelo Município de Arganil, pela Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra (CIM RC) e pelo Agrupamento das Escolas de Arganil, visa promover a criação das melhores condições para a produção em estufa da flor da planta do cardo, que será posteriormente utilizada pelas queijarias para coalho do leite. João Silva, único promotor desta ideia de negócio, cujo desenvolvimento contou com a colaboração do Prof. José Luís Morais Fernandes, manifestou a sua firme intenção de avançar com a efetiva concretização do projeto, referindo ainda que a realização deste investimento permitirá às queijarias existentes nas Serras do Açor e da Estrela, assim como a outras de âmbito nacional, o acesso a um coalho de grande qualidade a um valor monetário mais acessível do atualmente praticado.

Enquanto vencedor do Concurso de Ideias, João Silva foi premiado com um leitor de MP4 oferecido pela CIM RC, cabendo-lhe também representar o Concelho de Arganil na Final Intermunicipal que decorrerá na Figueira da Foz no dia 7 de Junho de 2014 onde estará em competição com representantes dos restantes 18 Municípios que integram a Região de Coimbra. Para além do vencedor foram apuradas também as ideias de negócio classificadas em segundo e terceiro lugar, as quais foram premiadas com leitores de MP3 e Pen Drive de 8 GB, respetivamente. O segundo lugar foi para a ideia de negócio “Tourapps”, promovida por Raquel Baetas e Idalina Covas, alunas do 11.º F da Escola Secundária de Arganil (ESA) e o terceiro lugar para o projeto “Info24”, promovido por David Antunes e Alexandre Baron, alunos do 10.º G da ESA.

Nesta edição o Concurso contou mais uma vez com a forte adesão da comunidade escolar, que apresentou um total de 19 ideias de negócio, em cuja produção estiveram envolvidas 14 turmas do Ensino Secundário, 240 alunos e 10 professores. De acordo com o definido pelo Regulamento, as ideias de negócio foram submetidas a um processo interno de pré seleção realizado pelo Município de Arganil com o objetivo de apurar as 10 que foram publicamente apresentadas e avaliadas pelo júri que integrou a Vereadora da Educação do Município de Arganil, Prof.ª Graça Lopes, a Eng.ª Lília Marques do “Talho O Sapatinho” e a Técnica do Município de Arganil, Carmo Neves.

A adesão e entusiasmo com que o projeto foi recebido pela comunidade escolar foram destacados pela Vereadora da Educação do Município de Arganil, Prof.ª Graça Lopes, que presidiu à sessão, congratulando-se pelo papel que a iniciativa tem como fator de motivação e de sensibilização dos jovens alunos para a proatividade e atitude empreendedora. Mais manifestou a total disponibilidade da autarquia para apoiar os alunos que pretendam dar seguimento às ideias de negócio apresentadas, nomeadamente através dos serviços prestados pelo gabinete de apoio ao empreendedor “Arganil+ Desenvolvimento Económico”, referindo ainda a mais-valia que os espaços do CETA (Centro Empresarial e Tecnológico de Arganil) e do Arganil Coworking constituem para os jovens empreendedores que ali se deram a conhecer.

Este Concurso Municipal de Ideias de Negócio foi o culminar da Semana do Empreendedorismo nas Escolas realizada entre 28 de Abril e 2 de Maio, no âmbito da qual foram realizadas outras iniciativas como a Conferência Teen e as Conversas com Empreendedores, que mais uma vez possibilitaram que os alunos estivessem em contacto direto com empreendedores do Concelho de Arganil que, na primeira pessoa, lhes deram a conhecer a sua experiência pessoal e profissional. Nesta edição os alunos tiveram oportunidade de conhecer os percursos de Carla Brito, da Saber Intemporal – Qualidade e Tradição da Beira Serra, de Tiago Mateus, da Escola de Música “Pauta em Movimento” e de Filipa Travassos, ex aluna da ESA.



Artigos Relacionados