Noites de Verão no Cruzeiro terminam com balanço positivo

O evento Noites de Verão é desde a sua primeira edição sinónimo de animação e este ano não foi diferente. Com introdução de algumas novidades, quer na localização – junto ao Cruzeiro – quer no número de espetáculos – 11 -, juntou transversalmente música e dança, mostrando grandes talentos do concelho de Arganil, ou ligados a ele, quer através das suas Associações, quer através outros projetos onde o desenvolvem. Ao ar livre, mas em recinto fechado e com reserva de bilhetes obrigatória, decorreu como manda

Com início no dia 31 de julho, abriu em grande a Associação Juvenil Active Causes, com uma roda de samba pelos “Samba sem Fronteiras”, grupo brasileiro sediado em Portugal. O balanço da música convidava à dança e tal como foi dizendo o vocalista, é mesmo possível sambar sentado. A fechar o fim-de-semana e, num registo musical completamente diferente, subiu ao palco a Associação Juvenil E.Motion com a interpretação do bailado “La Bayadère”, que representa uma pitoresca enciclopédia da Índia do século XIX.

Nos dias 7 e 8 de agosto passaram pelo palco o grupo arganilense de fados “En’Cantus” e, Fernando Pereira, um verdadeiro embaixador da Serra do Açor que se fez acompanhar da sua Real Companhia, com um espetáculo de apresentação do seu mais recente trabalho “O Trovador”.

Os dias 14 e 15 estiveram reservados para as atuações de Miguel Neves, com “Paisagens Sonoras” ao piano e para o grupo de fados “FADvocal”, da Associação ADVocal cujo um dos integrantes é arganilense.

“Duarte Ventura Quarteto” abriu o 4º fim-de-semana de agosto com um espetáculo com o jovem arganilense Duarte Ventura no vibrafone, Bernardo Tinoco no saxofone alto, Gonçalo Naia no contrabaixo e João Cardita na bateria. Seguir-se-ia na noite seguinte a atuação da banda Spice Jam, que integra o músico arganilense, João Seco na sua formação.

Barril Brass, uma formação em formato brass band da Filarmónica Barrilense atuaria no dia 28 de agosto, à qual se seguiu o já habitual encontro de concertinas pelo grupo “Sons e Suadelas” que este ano e em menor número, completaram o seu 10º encontro.

A fechar com chave de ouro, “Ensaios da Noites”, formação musical extraída da Filarmónica Progresso e Pátria Nova de Coja e, “AFADIXIE”, formação da Filarmónica da Arganil especializada em música dixieland, subiram a palco para uma noite plena de boa música, já a deixar saudades das noites de Verão passadas no Cruzeiro.



Artigos Relacionados