Apresentação de "A Comarca de Arganil Digital (1901 – 2009)"

 

Decorreu ontem, 29 de Março, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a apresentação pública de “A Comarca de Arganil Digital (1901-2009)”, cuja Cerimónia foi presidida pelo Secretário de Estado da Cultura, Dr. Francisco José Viegas.

A apresentação foi realizada pelo Presidente da Câmara Municipal de Arganil, Eng.º Ricardo Pereira Alves, que explicou de forma sucinta o que é aquela ferramenta web, o acréscimo que ela tem para a cultura e sociedade arganilense e demonstrou algumas das funcionalidades da mesma, como a pesquisa por caracteres, por datas, por termos, entre outras.

Após a apresentação, foi constituída a mesa da Sessão, que foi presidida pelo Sr. Secretário de Estado, Dr. Francisco José Viegas, ao qual se juntaram o Presidente da Câmara Municipal de Arganil, Eng.º Ricardo Pereira Alves, o Diretor de A Comarca de Arganil, António Lopes Machado, o representante da Fundação Memória da Beira Serra – A Comarca de Arganil, Dr. Miguel Ventura, o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Arganil, Dr. Avelino Pedroso e a representante da Junta de Freguesia de Arganil, Lucília Rebelo.

Usou da palavra, o diretor de A Comarca de Arganil que felicitou a Câmara Municipal de Arganil pela excelente iniciativa e falou um pouco do que foram os quase 110 anos daquele órgão de comunicação.

O representante da Fundação Memória da Beira Serra – A Comarca de Arganil felicitou, igualmente, a Câmara Municipal pela iniciativa de preservação e disponibilização do espólio de  A Comarca de Arganil, bem como realçou a importância do mesmo para a sociedade arganilense.

No seu discurso, o Presidente da Câmara Municipal, após cumprimentar todos os presentes e dirigir uma palavra amiga a todos os quantos fizeram e fazem parte de “A Comarca de Arganil”, salientou que  a aquisição do espólio histórico daquele órgão de comunicação teve como objetivo o seu tratamento e valorização. Tendo dado indicações para tal, foi então iniciado um projeto pioneiro e inovador de digitalização de todas as edições, construindo uma ferramenta informática que permite consulta, pesquisa e leitura de “A Comarca de Arganil”, desde o seu primeiro exemplar até à data em que a sua publicação foi suspensa, ficando assim, mais próxima de todos: dos leitores, dos docentes, dos estudantes, dos investigadores ou, simplesmente, daqueles que sentem a curiosidade de viajar pela história de Arganil e da Região onde se encontra inserida.

Tomou, então, a palavra, o Sr. Secretário de Estado, Dr. Francisco José Viegas, que afirmou que “a memória do nosso país encontra-se marcada em Jornais como A Comarca de Arganil”. Para o Secretário de Estado este projeto da Câmara Municipal de Arganil foi duplamente virtuoso, uma vez que para além de preservar a memória e os factos relevantes de diferentes gerações, permite que essa memória circule universalmente, muito para além das fronteiras da Região onde Arganil se insere e que nesse sentido Arganil é um exemplo para o país.



Artigos Relacionados