Arganil é o terceiro município da região com melhor qualidade de vida

Arganil mantém a tendência dos últimos anos e volta a estar entre os municípios com melhor qualidade de vida do país. A nível nacional, ocupa a 30.ª posição, 18 lugares mais à frente do que em 2020, enquanto no território da Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra surge no terceiro posto, o que se traduz numa subida de duas posições.

Os dados constam da edição de 2021 do estudo anual desenvolvido pela Marktest, dedicado à análise do desempenho dos 308 municípios portugueses, através da avaliação dos pontos fortes e fracos de cada concelho.

Amplamente satisfeito com estes dados, o presidente da autarquia, Luís Paulo Costa, considera que o posicionamento de destaque que o município ocupa “reflete o trabalho aplicado e incessante que tem vindo a ser desenvolvido nas mais diversas áreas, sempre com o propósito de facilitar e ajudar as famílias e as empresas do concelho”. O autarca diz encarar o top 30 nacional e o top 3 regional “como fatores de motivação para continuar a apostar em medidas e projetos que façam o concelho dar passos firmes na direção do progresso e do desenvolvimento”.

Numa escala de 0 a 20, Arganil obteve uma média de 12,5 valores, (o concelho no topo da lista obteve 15,1), em resultado da classificação atribuída a 15 indicadores diferentes. Evidenciam-se, no que respeita a Arganil, as despesas do município com a proteção do ambiente e com a cultura; a capacidade dos equipamentos de segurança social per capita; a baixa taxa de criminalidade e de sinistralidade rodoviária e o número quer de escolas, quer de equipamentos de saúde per capita.

A “percentagem de resíduos urbanos recolhidos por recolha seletiva” foi um dos indicadores que mais destaque ganhou no último ano, de acordo com este estudo. Resultado do trabalho desenvolvido no âmbito do Sistema de Recolha Seletiva Porta-a-Porta de Resíduos Urbanos Valorizáveis em Arganil (PPRUVA), que arrancou no primeiro semestre de 2020. Durante o primeiro ano de implementação do projeto, foram recolhidos pelos 250 aderentes (famílias e comerciantes) e enviados posteriormente para reciclagem 5 toneladas de resíduos valorizáveis.

Afirmar Arganil como um dos melhores concelhos para viver, visitar e investir mantém-se como um dos firmes propósitos do executivo camarário, incrementando, para isso, boas práticas de apoio às famílias e encontrando, continuamente, meios para apoiar o tecido empresarial do concelho.



Artigos Relacionados