Começaram as obras de Reabilitação e Beneficiação da ETAR da Relvinha

O Tribunal de Contas concedeu visto favorável à Reabilitação e Beneficiação da Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) da Zona Industrial da Relvinha – Melhoria da Qualidade da Massa de Água Associada, no Sarzedo.

Esta infraestrutura totaliza um investimento de 1 194 570,65€, financiada em 85 por cento pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR), através do Fundo de Coesão, no valor de 1 015 385,05€.

Aquele investimento de cerca de 1,2 milhões de euros compreende várias componentes, a saber: a empreitada, no valor de 1 104 903,65€; a fiscalização e Coordenação de Segurança e Saúde, no valor de 66 912,00€ e o Projeto de Execução, cujo custo ascende aos 22 755,00€.

Os trabalhos de reabilitação e beneficiação arrancaram no início deste mês de julho, prevendo-se que a obra seja terminada no início de outubro de 2019. Em causa está o aumento significativo da capacidade de tratamento instalada, com a introdução de fases de tratamento adicionais e equipamentos que possibilitem melhorar substancialmente o efluente libertado para o meio hídrico de descarga, contribuindo em grande medida para a qualidade da massa de água no rio Alva.

A concretização desta intervenção vem cumprir os fortes desígnios do Município de Arganil em ver concretizado um projeto de grande importância do ponto de vista ambiental e que representa um investimento inteligente e sustentável numa área industrial com avultada expressão no concelho, quer pela dimensão e diversidade de atividades económicas que nela se concentram, quer pela sua privilegiada localização geográfica.



Artigos Relacionados