Jovens de Arganil em busca do Património Histórico Arqueológico do Concelho

Decorreu esta quarta-feira, 22 de julho, o primeiro dia do programa de estágios Ciência Viva, que se estende até ao dia 7 de agosto e que convida os alunos do ensino secundário a partir “Em Busca do Património Histórico Arqueológico do Nosso Concelho – Arganil”.

Conduzida pelo arqueólogo da Câmara Municipal de Arganil, Fernando Neves, esta primeira sessão, realizada no auditório da Biblioteca Municipal Miguel Torga, contou com seis estagiários e com a participação da coordenadora do programa, Conceição Lopes, do Centro de Estudos em Arqueologia, Artes e Ciência do Património (CEAACP), da Universidade de Coimbra.

O vereador da autarquia, Luís Almeida, recebeu e deu as boas-vindas aos curiosos e entusiastas participantes desta iniciativa promovida pela Ciência Viva – Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica, em colaboração com o CEAACP.

Acolhido pelo Município de Arganil de braços abertos, o programa de estágios proporciona aos participantes um contacto privilegiado com a ciência em contextos científicos e tecnológicos profissionais.

Além da identificação do património Histórico Arqueológico do Concelho e o despertar para a sua preservação e divulgação, espera-se que os participantes aprendam a usar as ferramentas informáticas e plataformas digitais de reconstituição virtual; identificar e localizar, com recurso a georreferenciação, os bens histórico-arqueológicos; aprender a trabalhar a arqueologia de laboratório e identificar os vestígios arqueológicos visíveis da exploração do ouro do rio Alva, na antiguidade.



Artigos Relacionados