Ministra Ana Abrunhosa inaugurou reabilitação do edifício dos Paços do Concelho de Arganil

As portas da Câmara Municipal de Arganil reabriram-se este domingo, 25 de abril, para a inauguração da maior intervenção de que o edifico beneficiou desde a sua construção, há mais de 80 anos. No Salão Nobre, a ampla e agora ainda mais iluminada sala de visitas da “nossa casa da democracia”, o presidente da Autarquia de Arganil, Luís Paulo Costa, assumiu o papel de anfitrião da cerimónia que assinala a conclusão das obras iniciadas em fevereiro de 2020 e que marca o regresso dos serviços municipais ao coração da vila de Arganil.

“Os Paços do Concelho de Arganil surgem, agora, dotados de melhores condições para corresponderem e darem resposta às necessidades dos nossos concidadãos”, afirmou o presidente da Câmara, logo a após felicitar e agradecer à Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, o regresso a Arganil para presidir à sessão de inauguração.

“Inaugurar e colocar novamente este edifício ao serviço dos cidadãos é algo que faz sentido associar ao dia da democracia e da liberdade; que têm como pedra basilar as autarquias próximas das pessoas”, assumiu Luís Paulo Costa. Da mesma satisfação partilhou a Ministra da Coesão Territorial, reconhecendo não haver melhor maneira de terminar o 25 de Abril do que em Arganil e junto dos arganilenses.

Sentindo-se “em casa”, Ana Abrunhosa agradeceu a Luís Paulo Costa a “lealdade institucional e amizade e a honra de poder reabrir as portas deste espaço que é, por excelência, da população e que aproxima os serviços às pessoas, merecendo, por isso, a maior das dignidades”.

Envolvendo um investimento global de 1.121.646,66€, a intervenção contemplou os três pisos que compõem o edifício, destinando-se a corrigir os sérios problemas estruturais e funcionais que o imóvel apresentava. “Os sucessivos alertas relacionados com a segurança do edifício, a imperatividade de melhorarmos a eficiência energética, a exigência de se implementarem métodos de trabalho mais eficazes e eficientes e a vontade de prestarmos um serviço de maior qualidade e mais próximo dos cidadãos haveriam de trazer-nos até esta inauguração”, declarou Luís Paulo Costa.

Uma das grandes alterações registada na localização dos serviços municipais no interior das instalações prende-se com o Balcão Único de Atendimento, que funciona agora no piso 0, junto à porta de entrada do edifício. As obras neste piso resultaram da candidatura apresentada pela autarquia ao Programa BEM – Beneficiação de Equipamentos Municipais, sendo cofinanciada pela Direção Geral das Autarquias Locais em 148 mil euros.

No final da sessão, antes de guiar Ana Abrunhosa e os restantes convidados por uma visita às renovadas instalações, Luís Paulo Costa presenteou a Ministra com uma versão reduzida da obra “Aprendizagens Globais”, do artista plástico Mário Vitória, natural do concelho de Arganil. Foi, ainda, oferecido a todos os convidados uma litografia desta obra, que se encontra exposta no interior da Câmara Municipal.

Apelos do presidente da Câmara à Ministra da Coesão Territorial

Durante a sua intervenção, Luís Paulo Costa apelou à atenção da Ministra da Coesão Territorial para a necessidade de criação de apoios que promovam a instalação das empresas na Zona Industrial da Relvinha, que se encontra a ser alvo de ampliação; para o imperioso reforço do financiamento que permita avançar em breve com a requalificação do Teatro Alves Coelho e para o problema que persiste na galeria hidráulica que atravessa a avenida principal de Arganil.

Em resposta, a Ministra garantiu “levar na bagagem as preocupações” do presidente da autarquia, tranquilizando-o quanto aos financiamentos necessários para as intervenções ansiadas. “Pode contar connosco, ficaremos atentos”, garantiu Ana Abrunhosa no fecho da sua intervenção.



Artigos Relacionados