14ª edição do Rally de Portugal Histórico passou por Arganil

O Rally de Portugal Histórico fez-se novamente à estrada no dia 8 de outubro, cumprindo até ao dia 12 de outubro, a 14ª edição de uma das mais exigentes provas de regularidade histórica da Europa. Marcada pelo regresso a alguns locais incontornáveis da história desta prova, após vários anos de ausência, conta com um total de 85 equipas inscritas com automóveis fabricados entre 1961 e 1985.

Com a já tradicional partida dos Jardins do Casino Estoril, teve passagem por Arganil no dia 9 de outubro, na mítica rampa do Mont’Alto, rumando posteriormente à Cerâmica Arganilense onde após serem recebidos pelo Presidente da Câmara Municipal, Luís Paulo Costa, estacionaram em exposição todas as históricas viaturas, terminando assim a 2ª secção.

A 3ª secção desta prova teve partida, ao cronómetro a partir da Cerâmica Arganilense, logo após o almoço, ao sinal do Vereador Luís Almeida, rumo a Torrozelas e Fónea. Ainda na 3ª secção, a prova passou por concelhos vizinhos, nomeadamente Pampilhosa da Serra, Oliveira do Hospital e Seia, terminando em Viseu.

A prova que leva anualmente os participantes por locais míticos da história do Rally de Portugal e que mistura a vertente competitiva com a vertente lúdica e turística trouxe mais uma vez a Arganil um pouco da adrenalina sentida ao ver e ouvir o ruído dos carros na serra, nos troços mais desafiantes e lendários do Rally de Portugal.



Artigos Relacionados