Largo e Posto de Turismo de Piódão serão alvo de intervenção

O Município de Arganil procedeu, em 30 de Janeiro, ao lançamento de um Concurso Público para adjudicação da empreitada que visa a execução de obras de requalificação do Largo Cónego Manuel Fernandes Nogueira, em Piódão, bem como do Posto de Turismo, localizado no Largo desta Aldeia Histórica.

A intervenção, alvo de uma candidatura à Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior, aprovada pelo Turismo de Portugal, no âmbito do Programa Valorizar, tem nesta data um custo estimado de 514.902,11€, que inclui, para além da já citada empreitada, a aquisição de equipamentos de visitação virtual e a aquisição de serviços para elaboração do projeto de execução. O objetivo fulcral desta intervenção é o de tornar a Aldeia Histórica de Piódão mais inclusiva e acessível, potenciando a sua visitação e fruição por todos os cidadãos, independentemente da sua condição.

Os trabalhos preconizados para o Largo Cónego Manuel Fernandes Nogueira visam colmatar o estado degradado em que o mesmo se encontra, nomeadamente ao nível do pavimento, torná-lo um espaço mais ordenado, qualificado e seguro e que possa constituir-se como um ponto de entrada e de reunião confortável, de onde seja possível desfrutar do alçado da Aldeia. Atualmente este espaço é ocupado por esplanadas e postos de venda informais, não dispõe do mobiliário urbano que permita o seu usufruto e encontra-se sempre sobre ocupado por viaturas.

Para tal, o programa definido para a intervenção visa redesenhar o espaço público com o intuito de dar unidade ao espaço urbano; aperfeiçoar a acessibilidade para todos os seus utilizadores e visitantes, com a eliminação de barreiras arquitetónicas e a construção de um pavimento regular e confortável que permita um acesso universal ao Largo, ao Posto de Turismo, Núcleo Museológico e à Igreja Matriz; gerar uma organização unitária que condicione os usos informais do espaço público, gerando uma série de normas e uma seleção de mobiliário para as esplanadas e outros pontos de venda; limitar a entrada do trânsito, para facilitar a circulação pedonal e de contemplação da Aldeia, desimpedida de viaturas.

Também o Posto de Turismo de Piódão, principal espaço de acolhimento e informação dos inúmeros visitantes, será alvo de intervenções. Tendo como objetivo gerar uma nova organização no seu interior, será criada uma delimitação eficiente entre as três funções que o mesmo congrega, sem prejuízo de uma utilização acessível e fluente das mesmas. Assim, possibilitará não só obter informação como conhecer os produtos endógenos, no espaço dedicado à promoção dos mesmos, que será no fundo uma montra daquilo que de melhor e mais típico se faz no concelho como, a história da Aldeia com a visita ao Núcleo Museológico do Piódão, no mesmo edifício. É no Posto de Turismo que ficarão disponíveis os equipamentos que permitirão visitar virtualmente a aldeia.

É pretensão do Município de Arganil reforçar o papel da Aldeia Histórica do Piódão como principal polo de atração e captação turística do concelho de Arganil, que é também responsável e um ponto de partida para a disseminação dos turistas pelo território.



Artigos Relacionados