Apresentação do Sistema de Telegestão das principais captações e depósitos do Concelho

Decorreu na passada Segunda-Feira, no Salão Nobre dos Paços do Concelho a apresentação do Sistema de Telegestão das principais captações e depósitos do Concelho, que foi realizada pelo Presidente da Câmara Municipal, Eng.º Ricardo Pereira Alves e pelo representante da ISA (empresa responsável pela aplicação), Eng. Vítor Fernandes.

Na sua intervenção, o Presidente da Câmara Municipal salientou o seguinte:

“Promover a melhoria da qualidade de vida é um dos objetivos centrais da estratégia de desenvolvimento do Concelho de Arganil.

Neste sentido, existe hoje uma aposta crescente no sector do Ambiente, com um volume considerável de investimento em sectores como o Abastecimento de Água, o Saneamento, os Resíduos Sólidos ou a Proteção do Ambiente e Conservação da Natureza, que está já muito próximo de atingir os 10% do total previsto no Plano Plurianual de Investimentos do Município para 2012.

O desafio da sustentabilidade dos sistemas de abastecimento de água e saneamento assume hoje cada vez maior importância, exigindo a adoção de novas soluções que promovam uma gestão eficaz e mais eficiente.

Neste contexto, decidiu o Executivo Camarário avançar com a implementação de um Sistema de Telegestão nas principais captações e depósitos do Concelho, que permitirá monitorizar a disponibilidade, a quantidade e a qualidade da água que é distribuída, assegurando, simultaneamente, a criação de mecanismos de alerta para pronta atuação dos operadores em situações de desvios ou anomalias técnicas, contribuindo para uma gestão mais rigorosa e eficiente do sistema.

O sistema de telegestão, que representa um investimento que ascende a 60.000 €, está implementado nos principais sistemas de abastecimento de água do Concelho (Alagoa, Feijoal e Vila Cova de Alva), que servem 6608 consumidores, que representam 80,17% do total de consumidores dos sistemas geridos pela Câmara Municipal.

Importa ainda referir que, em 2010, foram captados nos sistemas de Alagoa, feijoal e Vila Cova de Alva 1.107.206 m3 de água, sendo distribuídos 626.852 m3. A percentagem de perdas atingiu os 43,38%.

Neste domínio, estamos certos, que o sistema de telegestão agora implementado, permitirá reduzir esta percentagem tão elevada, uma vez que dispõe de um controlo e monitorização, em tempo real, do nível dos depósitos.

Seguiu-se depois uma breve apresentação da plataforma, realizada pelo Eng. Vítor Fernandes, onde foram exemplificadas as mais importantes propriedades da mesma e das quais se destacam:

{pdf=images/stories/noticias/2012/janeiro/telemetria/CM%20Arganil%20Telemetria.pdf|720|400}

{pdf}novo.cm-arganil.pt/images/newstories/noticias/2012/janeiro/telemetria/CM%20Arganil%20Telemetria.pdf{/pdf}

{gallery}noticias/2012/janeiro/telemetria{/gallery}



Artigos Relacionados