Município de Arganil assinala os 43 anos do 25 de Abril

Comemoraram-se em Arganil, no passado dia 25 de Abril, os 43 anos sobre o movimento que derrubaria no mesmo dia do ano de 1974, o regime salazarista e que ficaria gravado na história e na memória dos portugueses, como o Dia da Liberdade.

Em glória dos protagonistas daquela que ficou também conhecida como a Revolução dos Cravos, foi assim assinalada a data, pelo Município de Arganil, através de sessão solene que decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho e de um Concerto Comemorativo da efeméride, na Cerâmica Arganilense.

Na Sessão Solene, na qual deram o seu contributo celebrando a Revolução de Abril: Eng.º António João Lopes, representante da bancada da CDU; Eng.º Fernando Vale, representante da bancada do PS e Rita Marques, representante da bancada do PSD, foram também assinados Contratos-Programa com Juntas e Uniões de Freguesia, num valor total de 60.996,70€, bem como, com Associações Culturais e Associações Desportivas do Concelho, num valor total de 112.937,50€.

A sessão solene contou com um momento muito particular de homenagem, com a atribuição de medalha de prata dourada ao Dr. António Pereira Alves, sócio honorário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários Argus, coletividade à qual esteve ligado 45 anos. Esta consagração teve origem numa proposta por parte dos vereadores do partido socialista, Dr. Miguel Ventura e Dr. João Pedro Pimentel, aprovada por unanimidade em Reunião de Câmara.

Dr. António Pereira Alves que proferiu “amar este concelho como se fosse o meu, porque ao longo de uma vida de dedicação e amor ao meu semelhante, sempre com respeito e amizade, soube conquistar a admiração que vós tendes por mim e pela minha família”, recebeu a medalha pelas mãos do Presidente da Assembleia Municipal, Dr. Avelino Pedroso, distinção que partilhou, com todas as pessoas que integraram as associações e entidades por onde passou, Bombeiros Voluntários Argus, Lions de Arganil e Escola Secundária de Arganil.

O presidente da Câmara Municipal de Arganil e filho do homenageado, Eng.º Ricardo Pereira Alves, deixou um agradecimento sensibilizado a toda a vereação pela sugestão desta atribuição, bem como aos presentes, pela homenagem que neste dia proporcionaram ao seu pai, de quem tem muito orgulho e no qual vê uma inspiração.

As comemorações seguiriam depois, na Cerâmica Arganilense, com o concerto “25 de Abril – Uma expressão, uma memória” pela Orquestra Didática Passo por Compasso e dirigida pelo Maestro Tiago Mateus. Numa viagem a um passado que está ainda muito presente em todos nós, foram interpretadas e relembradas peças musicais que lutaram contra o regime instaurado de então e que deram o mote à revolução de Abril. Este concerto comemorativo foi apresentado e abrilhantado pelas sábias palavras do Padre Dr. Rodolfo Leite e do Prof. Jorge Silva.

E porque liberdade e solidariedade não se devem dissociar, o concerto comemorativo do 25 de abril teve também um cariz solidário. Através de donativo ou de compra de bolinhos e filhós caseiras, foi possível dar mais um pequeno passo na concretização de um sonho para a pessoa com deficiência, a construção do Lar Residencial “Casa dos Afetos” da APPACDM, que neste momento conta com o apoio de todos para dar um futuro às 33 crianças institucionalizadas e apoiadas por esta Associação.

 



Artigos Relacionados